domingo, 31 de julho de 2011

Adeus


ADEUS... até qualquer dia.

Pelo que ia acompanhando no Blog da Sónia, apercebi-me que as coisas estavam muito mal, mas nunca pensei que fosse tão rápido!
Estou Triste, chorando para dentro, para não dar muito nas vistas, porque não estou sozinha, mas apetece-me gritar muito, soltar esta revolta que sinto, este nó na garganta, vou engolindo o choro, tentando não pensar muito.., mas no silêncio da noite, quando ponho a cabeça na almofada, não consigo deixar de pensar, e aí choro até conseguir adormecer.

Porque é que a vida é tão injusta?
Será que vale a pena sofrer tanto, para viver tão pouco?

Não vou escrever mais nada, porque o que me apetece escrever é muito negativo.
Amanhã é outro dia !

Sónia descansa em Paz.

Beijinhos

9 comentários:

Natália disse...

*

Natália disse...

Como te compreendo Graça.
Estou na mesma.
Beijinhos.

Guida Palhota disse...

Gracita,

Também já me passou de tudo pela cabeça, incluindo a injustiça para com quem lutou sempre e até ainda era tão jovem...
Mas, sabes? Acredito mesmo que todos temos a nossa hora marcada e que contra isso não há luta possível, estejamos doentes ou saudáveis! Para mim, trata-se de uma questão incompreensível, misteriosa, não havendo lugar a justiça ou injustiça.
Que ela esteja bem agora e que nós a recordemos sempre.

Um beijo grande para ti

Graça disse...

Beijinho Natália

Graça disse...

Sabes Guida, eu também acredito que todos temos o nosso dia marcado. O que é injusto é o sofrimento, ninguém merece.
beijinhos

maguie disse...

*

Geninha disse...

Como eu te entendo Gracita...Um grande beijinho

Graça disse...

beijinho Maguie

Graça disse...

Beijinho Geninha